início | fale connosco | contactos | ajuda | mapa | rss
Página Inicial
Para visualizar as imagens rotativas tem que instalar o leitor de flash, clique aqui.
Infinite Menus, Copyright 2006, OpenCube Inc. All Rights Reserved.
Categorias
Não existem destaques
 






Esparsos, raros e inéditos do Conde d'Aurora
10 de Janeiro de 2007
Esparsos, raros e inéditos do Conde d'Aurora
Esparsos, raros e inéditos do Conde d'Aurora

AURORA, Conde d' - Esparsos, raros e inéditos do Conde d'Aurora. Ponte de Lima: ADRIL, 2007. 407 p. ISBN 978-989-95389-0-0.

 

 

Preço: € 10,00 (inclui o valor da taxa de IVA legal em vigor)
Como encomendar: contacte-nos através do e-mail: arquivo@cm-pontedelima.pt.

 

 

 

Sinopse:

Obra «com um prefácio de sua neta, sobre a Ruralidade no Vale do Lima, obra que reúne um conjunto notável de dezenas de textos dispersos por diversas publicações periódicas locais, regionais e nacionais, ao qual foi adicionado um lote significativo de opúsculos raros e, ainda, três inéditos que se guardavam na Casa de Nossa Senhora da Aurora, em Ponte de Lima, vila que se orgulha de distinguir o Conde d'Aurora, esse grande escritor da Ribeira Lima, como um dos seus filhos mais ilustres. Numa edição da ADRIL - Associação do Desenvolvimento Rural Integrado do Lima, com o apoio do Município de Ponte de Lima e com uma apresentação gráfica de relevo, que conseguiu conjugar em pleno as necessidades estéticas atuais com os estilos tipográficos de então, a obra abarca um período de produção literária e de opinião bastante alargado (1921-1968), compreendendo uma imensidão de temáticas que é a prova perfeita do valor e da qualidade do Conde d'Aurora como homem do seu tempo, ativo e interventivo. Com um texto de António Manuel Couto Viana e um prefácio da neta do Autor, Rosário de Sá Coutinho, que enriqueceu sobremaneira o conjunto, este livro, em termos de coordenação editorial, recolha e seleção de textos, é da responsabilidade de João Gomes d'Abreu e de Ovídio de Sousa Vieira que, ao longo de um período considerável de tempo, vasculharam arquivos, consultaram bibliotecas, recolheram recortes de jornais, de forma a dar corpo a este projeto que, no seu todo, completa as 408 páginas. Devidamente ilustrado, comentado e anotado em termos bibliográficos - muitas das obras do Conde d'Aurora são hoje raridades muito disputadas no mercado livreiro especializado -, este trabalho constitui uma mais-valia para se compreender o pensamento deste Homem de Letras, nascido em Ponte de Lima em 29 de abril de 1896 e falecido no Porto em 3 de maio de 1969, que foi, entre muitas outras ocupações, escritor, magistrado, cronista, fotógrafo, repórter e etnógrafo.» In: http://www.valimardigital.pt/portal/page/portal/visitantes/jornal/noticia?id=508

Palavras chaves
voltar
Imprimir Imprimir Enviar Enviar Partilhar
topo


Categorias